4 perguntas a Paulo Pedrosa, gerente da Caco o original

4 perguntas a…Paulo Pedrosa, Gerente da ‘Caco, o Original’

Fizemos quatro perguntas a Paulo Pedrosa, um dos gerentes da ‘Caco, o Original’. Para além dos planos de expansão da marca nacional, quisemos saber de que forma é que é gerida a rede de restauração que assenta todo o seu modelo de negócio numa das melhores iguarias do país, o Bolo do Caco.

1-Qual a estratégia de expansão da marca e a perspetiva de crescimento para 2017?

A estratégia de crescimento para 2017 passa por novas aberturas, confirmadas (Porto em agosto) e ainda estamos em negociação com novos parceiros. A notoriedade da marca está a crescer e temos condições especiais para os primeiros 10 franchisados. Já existem poucas vagas!

 2- Em que é que a marca se distingue no apoio à rede?

A marca distingue-se por uma equipa de profissionais jovens e dinâmicos. No ‘Caco, o Original’, temos uma filosofia de longo prazo e procuramos que seja um negócio simples e rentável para o franchisado. Sabemos que a simplicidade é um dos segredos do negócio e nós estamos sempre a evoluir nesse sentido, desde a distribuição dos produtos, passando pelo desenvolvimento de parcerias e ferramentas que ajudam os franchisados a ter domínio do negócio. O ‘Caco, o Original’ tem ainda uma estrutura de apoio ao franchisado, no que diz respeito a fornecedores, logística, design e formação.

3- Porque é que um empreendedor deve escolher a vossa marca?

O ‘Caco, o Original’ é uma marca honesta e rentável. Tem uma grande adesão do público. É uma atividade de negócio simples e rentável. Com o apoio que a marca dá à rede, será um investimento com retorno. O empreendedor terá sempre no Master uma equipa que o apoiará e sobretudo, com honestidade, simplicidade e sempre com o objetivo de rentabilizar o negócio.

4- Como é que a marca dá as boas-vindas a um novo franchisado?

Damos as boas vindas integrando-o no sistema total da marca ‘Caco, o Original’. Sabemos que, para dar certo, o franchisado tem que estar ciente e conhecedor do negócio (operações, recursos humanos, fornecedores, marketing, HACCP, etc.). Assim, com todos os conhecimentos que transmitimos, bem como os requisitos obrigatórios de qualidade a que nos propomos, saberemos que vai dar certo para a marca e para o franchisado. Temos um plano de formação, bem como uma equipa sempre ao dispor para esclarecer e ajudar.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui