Liquid

Liquid: refeições líquidas saudáveis para consumo on the move

A Liquid oferece sumos e smoothies feitos à base de frutas e vegetais preparados à frente do cliente e na hora, em embalagens biodegradáveis, para serem consumidos on the move em ambiente urbano. Para a expansão, procura empreendedores com experiência de relacionamento com cliente final e conhecimentos em gestão e comunicação em ponto de venda.

Texto: Emília Freire l Fotografia: Paulo Lima

A marca de sumos e smoothies aposta num público-alvo urbano, “com uma cada vez maior consciencialização da importância de uma alimentação saudável, do conceito 5 a day, do poder curativo dos super alimentos, com consciência ambiental e bem informado”, explica à NEGÓCIOS & FRANCHISING José Salazar. O responsável adianta que a Liquid procura assim o mercado da qualidade, saúde e de produtos trendy e chamativos.

Os sumos e smooties da Liquid são uma refeição saudável, feita à base de frutas e vegetais preparados à frente do cliente e na hora, em embalagens biodegradáveis, para serem consumidas on the move num ambiente urbano.

A confeção dos seus produtos é feita no momento, à frente do cliente, apenas com frutas e legumes 100% naturais, sem adição de açúcar e preparados ou concentrados.

“Para o franchisado a Liquid é um conceito inovador e preocupado, acima de tudo, com o bem-estar das pessoas. O franchisado aposta num negócio que, além de ser saudável (aspeto cada vez mais importante para as pessoas) e ecológico, tem uma rentabilidade bastante atraente”, afirma José Salazar, garantindo: “o franchisado tem uma equipa totalmente dedicada ao seu negócio que o apoia e ajuda em todas as fases de cadeia de valor”.

A alimentação saudável “é um mercado com elevado potencial de crescimento e em que a procura por produtos de elevada qualidade tem vindo a crescer. É importante existirem diferentes operadores, com propostas de valor diferentes no mercado”, considera o responsável, salientando que “a Liquid é pioneira no seu mercado, com sumos e smoothies” e que “apenas os projetos sustentáveis e com produtos de qualidade tem potencial de crescimento, sendo necessária uma permanente adaptação ao mercado e a introdução de novidades”.

 

Apoio em todas as fases do projeto

O responsável da marca explica que a Liquid apoia o franchisado em todas as fases de execução do projeto: escolha do espaço comercial que mais se adeque, apoio estratégico de negócio, gestão operacional, financeira e de comunicação, contratação dos colaboradores, o software de gestão adequado, o mobiliário da loja, os produtos necessários para iniciar o negócio, formação.

O investimento inicial inclui equipamento, software de gestão e stock inicial e exclui obras e a marca oferece “um período de carência de três meses nos Royalties mensais desde a data de assinatura do contrato de franchising”.

José Salazar especifica ainda que “mensalmente o apoio é dado ao nível da gestão operacional, financeira, recursos humanos, formação e apoio de marketing e comercial” e acrescenta que “embora dependa muito do investimento inicial (área da loja, arrendamento, etc.), é expectável que o retorno [do investimento] seja conseguido em 12 a 18 meses”.

A Liquid assegura que “o critério de seleção é muito rigoroso”, pois “a marca não tem uma preocupação de um crescimento rápido mas sustentável”. Assim, “procuramos empreendedores motivados, com boa apresentação e capacidade de comunicação, experiência de relacionamento com cliente final, totalmente dedicados ao negócio, capacidade de trabalho e de auto motivação, forte espírito de equipa e conhecimentos em gestão, e comunicação em ponto de venda”.

 

Lojas, quiosques e outros formatos

 

A marca explicou-nos que prefere a expansão através da rede de lojas, mas prevê também a aberturas de quiosques e de novos formatos “ainda durante o presente ano em ambientes comerciais ou de elevado fluxo populacional”.

“O critério de abertura é muito rigoroso, em zonas de elevado fluxo pedonal e urbano ou em centros comerciais considerados de referência para a marca e que se enquadrem no público-alvo”, adianta. Mas José Salazar frisa que um dos obstáculos é precisamente a falta de “espaços comerciais disponíveis em zonas de elevado fluxo populacional”.

A empresa tem já uma unidade própria, no Chiado, uma unidade franchisada, no Porto e uma parceria comercial, no Amoreiras Shopping Center.

Os planos de expansão para o primeiro semestre deste ano apontam para a abertura de três novas unidades, sendo as zonas prioritárias Lisboa, Braga, Aveiro, Porto, Leiria e Funchal.

José Salazar anuncia ainda que a Liquid já iniciou “também o processo de internacionalização da marca para mercados alvo, nomeadamente, Espanha”.