Airquality – Cheira bem … compre aqui!

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

 

/images/textoimagens/fullsize/3014.JPG

“Um ambiente profissionalmente aromatizado permite seduzir os consumidores a permanecerem mais tempo num determinado local, desencadeando a compra por impulso”,  afirma Daniel Vilaça, diretor-geral da Airquality.

 

 /images/textoimagens/fullsize/3014.JPG

 

“Um ambiente profissionalmente aromatizado permite seduzir os consumidores a permanecerem mais tempo num determinado local, desencadeando a compra por impulso”,  afirma Daniel Vilaça, diretor-geral da Airquality.

O marketing olfativo é uma nova dimensão do marketing baseada no olfato, sendo este, de acordo com Daniel Vilaça, o mais importante e poderoso dos nossos sentidos. A utilização de aromas num determinado espaço comercial, integrada numa estratégia de complementaridade com o espaço, a música ambiente e a imagem da empresa, pode fazer toda a diferença na altura de decisão de compra.
“A aplicação de aromas no ambiente permite gerar sensações de apetite num restaurante, provocar energia nos praticantes de desporto em ginásios ou mesmo relaxar numa sala de espera do dentista”, exemplifica o responsável. Recordando que a maior parte das empresas ainda baseia a sua identidade corporativa na imagem, esquecendo-se da memória olfativa: “No futuro, todas as marcas terão o seu logótipo olfativo”.
A Airquality, que nasceu em novembro de 2010, dedica-se à aromatização de espaços, manutenção de consumíveis de higiene em casas de banho e desenvolvimento de ações de marketing olfativo.

Negócio em casa
Como refere Daniel Vilaça, com o sucesso alcançado, o caminho natural foi a expansão em rede. Para quem deseje gerir o negócio a partir de casa, o investimento inicial é de 13 mil euros, para quem optar por ter um showroom da marca é de 20 mil euros.
O investimento inclui formação inicial, hardware e instalação de software adequado, kit de demonstração de produtos, stock inicial, fardamento, publicidade nas viaturas, cartões de visita e catálogo de serviços aromatizados, publicidade local e ingresso na rede de clientes já existentes. Além disso, “o franchisador procurará estabelecer parcerias com grandes cadeias de lojas, à qual depois de efetuadas, distribuirá os serviços pelos franchisados de cada zona”, refere Daniel Vilaça. A mesma fonte acrescenta que existe ainda um plano de formação contínua, disponibilidade de #stock# permanente e atendimento telefónico personalizado.
Até ao final de maio, a Airquality prevê abrir três agências, contudo o objetivo é abrir 23 e “posicionar-se como empresa líder em Portugal no setor do marketing olfativo e aromatização de espaços”, revela o entrevistado.
Lojas comerciais, casinos, cafés, restaurantes, discotecas, hospitais, empresas, aeroportos e lares da terceira idade são alguns dos clientes desta empresa. Daniel Vilaça reforça que “o sistema de franchising da Airquality permite que os franchisados desenvolvam a atividade a partir da própria residência, em condições económicas mais vantajosas e contando sempre com o apoio da central”.  PATRICIA FLORES

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão subscreva a nossa newsletter aqui

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.