4182-decisoes-e-solucoes-infofranchising

Pais portugueses preveem gastar menos de 100¤ por filho

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

De acordo com os dados da investigação da Imaginarium, o orçamento médio em brinquedos para este Natal, situa-se, a nível europeu, entre os 50 e os 100 euros por criança, faixa na qual se situam 51% dos pais espanhóis, 54% dos italianos e 60% dos alemães e 41% dos Portugueses. Embora no segmento mais alto (mais de 200 euros), os pais portugueses se situem perto dos níveis europeus, com 4% dos entrevistados a declarar prever gastar mais de 200 euros por criança (5% em Itália e 3% na Alemanha), a maioria, 85%, prevê gastar menos de 100 euros por criança.

/images/textoimagens/fullsize/3704.jpg De acordo com os dados da investigação da Imaginarium, o orçamento médio em brinquedos para este Natal, situa-se, a nível europeu, entre os 50 e os 100 euros por criança, faixa na qual se situam 51% dos pais espanhóis, 54% dos italianos e 60% dos alemães e 41% dos Portugueses. Embora no segmento mais alto (mais de 200 euros), os pais portugueses se situem perto dos níveis europeus, com 4% dos entrevistados a declarar prever gastar mais de 200 euros por criança (5% em Itália e 3% na Alemanha), a maioria, 85%, prevê gastar menos de 100 euros por criança.

 

A segurança e a qualidade são os aspetos mais valorizados (78%) pelos pais de todos os países quando se trata de escolher os brinquedos para os seus filhos, batendo por muitos pontos percentuais o preço, que é o aspeto principal a ter em conta para apenas 10% dos portugueses e dos alemães, e 6% dos espanhóis.

Na generalidade dos países, a internet continua a ser pouco utilizada para comprar brinquedos (uma média de 2% em Portugal, Itália e Espanha), embora na Alemanha e em Hong Kong 10% dos pais optem pela compra online.

Sobre os resultados do estudo, Natalia Chueca, diretora de comunicação da Imaginarium, afirma que "foi muito positivo verificar que a maior parte dos pais, em todos os países, estão de acordo quanto ao facto da brincadeira ser fundamental para a formação dos seus filhos a qualquer idade. Esta é uma convicção que não sofre nenhuma alteração apesar do contexto económico atual ou do país consultado. Na Imaginarium sempre acreditámos que o jogo de qualidade é uma necessidade universal e o tempo que lhe dedicamos na infância é um verdadeiro investimento para o futuro dos nossos filhos".

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão subscreva a nossa newsletter aqui

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.