Cepsa e Redexis lançam a primeira rede global de energia fotovoltaica em postos de abastecimento na Europa

A Redexis e a Cepsa já começaram a criar, na Europa, a primeira rede global de postos de abastecimento geradores de energia renovável. O plano das empresas prevê a conclusão da instalação de painéis fotovoltaicos em toda a rede de postos Cepsa em Portugal e Espanha até 2023. Atualmente, estes painéis já se encontram instalados em 75 postos e as empresas pretendem terminar 2021 com mais de 200 instalações fotovoltaicas executadas.

Para a realização deste projeto, serão utilizados mais de 40.000 painéis fotovoltaicos de alta tecnologia, com uma capacidade de produção de mais de 32.800 MWh por ano, o equivalente ao consumo anual de energia de 11.000 habitações. A geração dessa energia renovável evitará a emissão anual de 11.500 toneladas de CO2, o que equivale ao plantio de 6.000 árvores, contribuindo assim para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 7 (energia limpa e acessível) e 13 (ação climática).

Durante a cerimónia de assinatura do acordo, Pierre-Yves Sachet, director comercial da Cepsa, destacou: “O objetivo da Cepsa é acelerar a transição energética, tanto nas nossas operações como nas soluções energéticas que oferecemos aos nossos clientes. O facto da nossa rede de postos de abastecimento se converter na primeira rede completa na Europa a gerar energia renovável é um grande passo nessa direção e um sinal claro para os nossos clientes de que a nossa transição está em curso.”

Por sua vez, Cristina Ávila, CEO da Redexis, destacou: “Na Redexis temos o prazer de assinar este acordo com a Cepsa porque nos permite dar um salto muito significativo na nossa atividade solar fotovoltaica.

Esta aliança estratégica com a Cepsa ajuda-nos a reforçar o nosso compromisso com as energias renováveis ​​e a transição energética, reduzindo as emissões e promovendo uma atividade limpa e sustentável”.

Os painéis servirão para abastecer os postos da Cepsa durante o dia, e o excedente será canalizado para a rede de distribuição, otimizando assim a eficiência energética global das instalações e permitindo o consumo de eletricidade 100% renovável na rede de postos da Cepsa.

A Cepsa opera a segunda maior rede de estações da Península Ibérica, com mais de 1.800 postos, localizados estrategicamente, tanto em áreas urbanas como nos principais corredores e nós viários, onde oferece soluções multienergéticas e outros serviços complementares para clientes profissionais e particulares. A empresa está a trabalhar num plano profundo para operar uma mudança verde em todos os seus negócios e tornar-se uma referência na transição energética, onde as energias renováveis ​​terão um papel importante.

A Redexis fica encarregue da instalação, colocação em funcionamento e manutenção dos painéis. Desta forma, promove uma aposta nas energias renováveis que já impulsiona há mais de três anos e em que desenvolve soluções em instalações solares fotovoltaicas para habitações, empresas e indústrias, promovendo assim o autoconsumo e a energia sustentável em todo o território nacional, apoiando-se na sua ampla presença geográfica e rede de colaboradores para alargar a sua atual oferta de instalações energéticas no âmbito do autoconsumo solar.

A Redexis já opera mais de 1.200 kWp de capacidade de energia solar fotovoltaica, com um total de 50 projetos solares em Espanha. Atualmente tem cerca de 3.300 kWp em construção em diferentes fases de desenvolvimento em todos os tipos de setores como indústria, serviços, distribuição ou mercado doméstico. A expectativa da empresa passa por fechar 2021 com mais de 9.000 kWp de capacidade de energia solar fotovoltaica em operação, o que significa evitar 3.375 toneladas de CO2 por ano em emissões e a economia no consumo de energia elétrica.