criação de empresas

Criação de empresas em queda

Até ao passado mês de outubro foram criadas 31 388 novas empresas, uma quebra de 3% face ao período homólogo. De acordo com os dados esta semana apresentados pela Informa D&B, para além de uma diminuição no número de nascimentos de empresas, o intervalo entre janeiro e outubro foi também marcado por uma redução no número de empresas que fecharam (-3,2%).

Como mostram os dados da Informa D&B, até outubro iniciaram-se 2790 processos de insolvência de empresas, menos 23,1% face ao período homólogo. Por outro lado, os dados agora publicados revelam que o setor de Serviços foi aquele que mais nascimentos e encerramentos de empresas registou.

Por outro lado, a análise dos dados até outubro de 2016 revela que Construção, Alojamento e Restauração, Atividades imobiliárias e Telecomunicações foram os únicos setores que cresceram em nascimentos de novas empresas.

Lisboa continua a ser a região com o maior número de criação de empresas e organizações (+698).