Mulheres empresárias aprendem a ser mais produtivas

Foi na passada semana que se realizou em Vila Nova de Gaia o ‘Glow Lunch’, uma iniciativa do Glow Woman Club que reuniu mulheres empresárias para ouvirem Gonçalo Gil da Mata sobre como ser mais produtivo.

O Glow Woman Club tem como objetivo promover a liderança no feminino e ajudar as empresárias a criarem redes de negócios. Com cinco anos de existência estes ‘Glow Lunch’ já promoveram várias horas de networking e troca de contactos.

“Eu já percebi que não vou conseguir fazer tudo! Nem no emprego, na vida, na família…Não vou! Mas será que não será possível fazer aquilo que realmente gostamos? O que é que gostaria de sentir mais vezes? Haverá perguntas que devemos fazer mais vezes a nós próprios? Muitos de nós vivemos encolhidos a ver a corrente passar. Os dias estão contados…estão a passar…”, referiu o coach Gonçalo Gil da Mata durante a sua intervenção. “Tomar uma decisão é das coisas mais arriscadas que se pode fazer na vida e que permitirá a realização pessoal e profissional”, para além disso, “muitos dos obstáculos à produtividade podem ser evitados se compreendermos melhor como funciona a mente humana e se implementarmos um sistema de organização pessoal eficiente, que levará à tranquilidade no dia-a-dia, que antes era atarefado e stressado.”

O evento culminou com o lançamento da 3ª edição do concurso ‘Melhor Empresa com Práticas no Feminino’, uma iniciativa que visa premiar as empresas com boas práticas no feminino, avaliar o nível de satisfação das mulheres no local de trabalho, distinguir o desempenho exemplar de mulheres em cargos de liderança pela sua capacidade de inspirar e motivar e associar as empresas ao projeto GWC, ajudando-as a criar redes de networking.

Na edição de 2016, a ‘Melhor empresa com práticas no feminino’ foi a Águas de Paços de Ferreira e a ‘Melhor líder feminina’ foi Beatriz Rubio, CEO da Remax e fundadora do Motiva-te.