Melom aposta em Espanha e quer ter 200 unidades até 2022

Melom aposta em Espanha e quer ter 200 unidades até 2022

A Melom, marca de franchising especializada em obras e remodelações, anunciou esta semana o arranque da sua internacionalização, com a entrada no mercado espanhol. Em comunicado, a empresa revela que prevê alcançar as 200 unidades franchisadas até 2022 e uma faturação de 50 milhões de euros nos próximos cinco anos com a Melom em Madrid, onde ainda este ano deverá abrir 50 unidades.

Com 12 unidades em funcionamento e poucos meses de operação no mercado espanhol, a marca pretende agora ‘apontar’ para regiões como a Catalunha e as Canárias, prevendo ter 200 unidades franchisadas em operação nos próximos cinco anos,

“O mercado de obras e reabilitação português está ao rubro e detetámos que existe uma enorme necessidade de profissionalizar o setor na Europa, tal como aconteceu em Portugal há sete anos quando a Melom surgiu. Temos hoje o know-how para levar o conceito para outras partes da Europa e Espanha é o primeiro desafio: o mercado espanhol ainda não se profissionalizou estando as obras em casa a cargo de empresas ou empresários pouco qualificados, sem quaisquer garantias de qualidade e serviço ao cliente. Existe também como, atualmente, em Portugal, uma retoma nos serviços de construção, mas muita falta de mão-de-obra profissional. Por outro lado, uma diferença do nosso para o mercado espanhol é a segmentação dentro do próprio setor, onde existe realmente a distinção entre projeto de arquiteto e execução. Normalmente uma empresa que faz um serviço, não executa outro”, explica João Carvalho, diretor geral da Melom.

Em Espanha, o modelo de franchising da Melom será semelhante ao utilizado no mercado português, com a particularidade de existirem duas modalidades de franquia – Obras e Reformas. A primeira irá dedicar-se a grandes obras e construção de raiz, enquanto que a segundo é para pequenas obras e instalações.

(Visited 20 times, 20 visits today)