Well's

Well’s prepara internacionalização

A administradora da Sonae MC (que detém a Well’s), Inês Valadas, referiu ao jornal que estão a ser desenvolvidos  “projetos de exportação de marcas como é o caso da Kasa [artigos para o lar] que já vende para alguns retalhistas internacionais e para algumas geografias”.

Quanto à Well’s, a responsável revela que “vai para fora, sendo que é um projeto no qual já se está a trabalhar de forma séria”, podendo concretizar-se já em 2017.

Até lá, a estratégia para a insígnia passará pelo reforço do número de lojas no mercado nacional, onde conta já com 180 unidades, número que até ao final de 2016 deverá crescer para as 200.

Sobre a Note, insígnia que em 2015 surgiu em formato de franchising depois de um rebranding, Inês Valadas refere ao Diário Económico que também será uma das apostas para este exercício, com cerca de dez novas aberturas nos planos da empresa.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui

(Visited 35 times, 1 visits today)