12% dos portugueses já compram material escolar online

A maioria dos consumidores portugueses prefere fazer as compras de regresso às aulas em papelarias (91%) e em hiper e supermercados (75%). As conclusões são do estudo Observador Cetelem, que revela também que apenas 12% dos inquiridos pretendem fazer essas compras na internet.

Quando comprados com os anos anteriores, os resultados demonstram que as intenções de compra através da internet estão a subir, tendo passado de 7% e 8%, de 2011 e 2012 respetivamente, para 12% este ano. A intenção de comprar nos canais online verifica-se com maior incidência entre os inquiridos que ainda estão a estudar, que são este ano 30%, mais 14% que no ano de 2012.

O Observador Cetelem também tentou perceber quando são feitas as compras de material escolar e concluiu que, à semelhança dos anos anteriores, as intenções estão divididas: 44% espera fazê-lo num único momento e 54% conta comprar o material escolar ao longo do ano. No que diz respeito aos inquiridos que estudam, os comportamentos são diferentes. Uma grande maioria (75%) prefere fazer as compras em momentos diferentes e poucos (25%) optam por fazê-lo apenas num único momento.