Audibel: Franchising para ouvir melhor

O objetivo da Audibel para este ano é abrir entre três a cinco unidades em Portugal. A marca, inaugurou a sua primeira unidade no Porto em 2008 e quer agora crescer no mercado nacional em regime de franchising. Embora através de uma rede de parcerias consiga atualmente estar em mais de cem localidades a nível nacional.

O diretor geral da marca em Portugal, Rui Coelho, explica que “neste cenário, vai ser possível a criação de unidades físicas próprias Audibel dedicadas em exclusivo à resolução dos problemas de audição das comunidades locais, e isto, a nível nacional”.

Recorde-se que a Audibel comercializa aparelhos auditivos e os seus complementos, mas também serviços associados como a terapia da fala, a terapia de tinitus (zumbido) e a psicologia aplicada no contexto dos problemas de audição.

Para abrir um centro, entre despesas relacionadas com a imagem, equipamento e mobiliário, ferramentas e utensílios, quadro informático, formação e direitos de entrada, o volume de investimento totalizará os 55 mil euros.

O responsável garante que “será sempre feito um estudo e projeção concretos dos custos envolvidos com base no espaço e nas expectativas do parceiro franchisado, aliando a experiência do franchisador, à localização e potencial do mercado alvo, bem como interesse do parceiro”.

Gestores e especialistas em audição

Para já, a marca procura audiologistas e/ou empreendedores, pessoas com experiência na área ou investidores. Rui Coelho garante que todos os franchisados terão formação necessária – técnica, operacional e comercial – para um serviço de reabilitação auditiva de excelência.

O empresário recorda ainda que a Audibel trabalha com várias marcas de aparelhos auditivos e está habilitada a dar manutenção e assistência gratuitas a aparelhos auditivos comprados em ouras empresas.

“A missão da equipa Audibel consiste em melhorar a qualidade de vida das pessoas que sofrem de dificuldades auditivas, trabalhando em conjunto com essas mesmas pessoas para lhes proporcionar condições de comunicação normais, devolvendo-lhes a capacidade de audição”, assevera a mesma fonte. Acrescentando que para a marca “o médico especialista em otorrinolaringologia é um aliado fundamental no processo de reabilitação auditiva”.

A Audibel Centros Auditivos existe já no Brasil, nos Estados Unidos, em grande parte da América Latina e em alguns países europeus como é o caso de Itália, França e Espanha.

Parceria: franchising em fase inicial

Atividade: venda de aparelhos auditivos e serviços conexos

Investimento inicial (inclui direito de entrada): €55 000

#Royalties#: 7%

Taxa de publicidade: 3%

Área de loja: 60 m2

(Visited 47 times, 1 visits today)