Brasileiros criam negócio de vodka artesanal

Dois irmãos brasileiros estão a ganhar dinheiro com vodka artesanal. De acordo com o site Empreendedor, tudo começou como uma brincadeira que agora virou um ‘caso sério’ de sucesso. 

Marcos e Maurício Kalvelage contam que “no início tinha mais uma conotação de hobby, quase como os amantes de cerveja que fabricam em casa a sua bebida tão amada. Ao longo do tempo fomos estudando e este conceito de hobby foi -se transformando num plano de negócio, que em 2012 culminou na fundação da Bebidas Kalmae.”

Depois de um período inicial de testes, para implementar os processos produtivos, começaram o projeto numa unidade de produção com uma capacidade instalada de 170 mil garrafas para colocar no mercado a Vodka Kalvelage, em novembro de 2013.

Hoje, a bebida está em pontos de venda em vários pontos do Brasil, em estados como Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Espírito Santo, Bahia e Rio Grande do Norte. O objetivo, revelam os empreendedores, é que o produto venha a ser reconhecido internacionalmente, o que poderá estar mais perto do que ambicionam, é que recentemente foi a única vodka da América Latina a receber medalha de ouro no San Francisco World Spirits Competition.