dicas financeiras para aspirantes a empresário

Dicas financeiras para aspirantes a empresário

São cada vez mais aqueles que apostam num negócio próprio como alternativa ao desemprego ou mesmo como forma de mudar a sua vida. Mas nem todos aqueles que se aventuram no empreendedorismo têm competências para agarrar num negócio e área financeira é das que mais problemas sofre na fase inicial de um negócio.

Se é uma das pessoas que quer investir num negócio próprio, mas não entende nada de gestão e de números, siga estas dicas publicadas na revista Exame do Brasil, que agora partilhamos consigo.

Entenda a lei da oferta e da procura

Abrir um negócio em tempos de crise é como “ir a uma festa onde não existe ninguém do sexo oposto… Todas as pessoas que encontra querem vender e ninguém está interessado em comprar”, refere a publicação. Em tempos de crise, a procura cai e a oferta tende a aumentar, especialmente agora, uma vez que cada vez mais pessoas procuram criar um negócio por necessidade.

É importante que tenha esta ideia na sua mente: muitas pessoas terão a mesma ideia, por isso, o verdadeiro sucesso poderá passar por encontrar oportunidades onde mais ninguém as vê. Garanta que a ideia é realista e assegure-se de que existe público para o seu negócio.

Maximize os seus recursos

Aqueles que decidem investir num negócio e que possuem recursos finitos devem procurar opções de negócio que façam um uso intensivo do recurso ‘tempo’ e um uso mínimo do recurso ‘dinheiro’.

Prepare-se antes

Reduza ou elimine o seu endividamento, acumule poupanças e coloque todas as suas contas em ordem. Para além disso, é importante que se informe acerca de todos os impostos e obrigações fiscais que terá que enfrentar assim que decidir ser dono da sua própria empresa.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui