Erros que podem levá-lo a falhar como empresário

A revista brasileira administradores publicou uma lista de quatro coisas de que muitos empreendedores se esquecem antes de abrirem uma empresa, aspetos que fazem a diferença entre um começo fácil e uma partida com muitos obstáculos.

1-Mau planeamento do negócio

Na ânsia de serem patrões de si mesmos, muitos empreendedores iniciam um negócio sem um planeamento estruturado e pensado. Investem muito dinheiro, em material, infraestruturas e até pessoas e só depois se apercebem de que não analisaram os pontos fortes e os pontos fracos do conceito do negócio.

Não corra na altura de abrir um negócio: avalie a concorrência, pense em inovação e trace um destino. Assim que definir onde quer chegar, será mais fácil pensar em soluções para tentar alcançar essa meta.

2- Investir todo o capital disponível

Não caia no erro de colocar todas as suas poupanças num negócio. Guarde uma ‘rede de segurança’ até que o negócio comece a dar lucro, o que pode levar algum tempo. Guardar cerca de 20 a 30% do valor total investido pode ser a sua ‘boia de salvação’ se algo correr mal.

3- Não controlar os custos

As contas são o ponto fraco de muitos novos empresários, mas são também o mais importante. Não caia no erro de achar que só porque é o dono do negócio pode tirar da ‘caixa’ tudo o que quer.

Defina um salário para si, como faria para qualquer outro funcionário, e não faça gastos desnecessários. Agora que está por sua conta, deve sempre tentar garantir que quando chegar ao final do mês conseguirá pagar todas as suas contas.

4-Produtos/serviços sem qualidade

Antes de se aventurar num negócio, teste os seus produtos! Defina um preço adequado, analise a concorrência e invista em comunicação e marketing. Não adianta ter um bom produto se ninguém souber que existe.