Escola de Startups do UPTEC apoia mais 15 ideias de negócio

Skates de três rodas em cortiça reciclada, equipamentos para produção agrícola em ambiente urbano e soluções tecnológicas que permitem aproveitar a energia do corpo humano para alimentar smartphones, tablets e health monitors são apenas três dos 15 projetos selecionados para a Escola de Startups do UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, um programa que apoia empreendedores na validação dos projetos de negócio no mercado. 

A Escola de Startups receberá projetos de vídeo-difusão, estratégias transmedia storytelling para a promoção de artistas, aplicações para surf e agricultura, jogos sociais, reconstituição digital em património, engenharia e design para direito urbanístico e lençóis biodegradáveis.

A 5ª edição da Escola de Startups, que contou com o apoio da Vodafone Portugal, escolheu 15 projetos empresariais, dos quais três vão integrar o Vodafone Power Lab, um programa da Vodafone que apoia a incubação de projetos tecnológicos ligados às telecomunicações.

O Vodafone Power Lab é um programa de incentivo à inovação e de apoio ao empreendedorismo que tem como objetivo fomentar a criação de projetos tecnológicos, através de apoio na incubação, mentoring, workshops e formações, entre outras condições que possibilitem às novas empresas se desenvolverem.

Este programa inclui várias iniciativas como o concurso TV Innovation Challenge, o BIG Smart Cities e programas de aceleração de startups em polos de incubação, onde se inclui o UPTEC, no Porto.

Na Escola de Startups do UPTEC, os jovens empresários irão trabalhar na definição do modelo de negócio, identificação de clientes/ mercado, melhoria de processos de design e desenvolvimento de produto, compreensão da propriedade intelectual, gestão de equipas, oportunidades de financiamento, aspetos legais e financeiras, vendas e comunicação dos seus projetos empresariais.

 

Notícias relacionadas

Programa de aceleração do UPTEC já apoiou cerca de 200 empreendedores