Exportações crescem 7,2% em novembro

As exportações portuguesas cresceram 7,2% em novembro de 2013. De acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), entre janeiro e novembro de 2013, a venda de mercadorias para o exterior aumentou 4,4% em relação ao período homólogo e a importação de bens cresceu 3,7%.

A taxa de variação homóloga em novembro beneficiou, “sobretudo, da evolução do Comércio intra-União Europeia”. Quanto às importações, a taxa de variação registada em novembro em relação ao mesmo mês de 2012 foi de 3,2%, em particular, em resultado da compra de veículos e outro material de transporte, produtos agrícolas e máquinas e aparelhos.

Em termos das variações mensais, em novembro de 2013 as exportações diminuíram 0,7% face a outubro de 2013, em resultado da evolução do Comércio Extra-UE (refletindo sobretudo os decréscimos registados nas Máquinas e aparelhos, produtos Alimentares e Plásticos e borrachas). As importações diminuíram 10%, devido principalmente à evolução do Comércio Extra-UE (generalizada a quase todos os grupos de produtos, mas essencialmente devido aos Combustíveis minerais).

Segundo o INE, no conjunto dos onze meses do ano, a compra de mercadorias ao exterior estagnou, tendo-se registado um crescimento de 0,7%. Por sua vez, no trimestre terminado em novembro, as exportações subiram 7%.

O défice da balança comercial reduziu-se, assim, em 278,7 milhões de euros e “um aumento da taxa de cobertura de 2,6 pontos percentuais para 82,5%”.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui