Feedback: porque deve ser a prioridade de um líder

Feedback: porque deve ser a prioridade de um líder

Que traços e competências deve ter um bom líder? Marcel Schwantes, fundador e Chief Human Officer da Leadership From the Core, publicou um artigo na publicação Inc. em que explica que apesar de um líder precisar de várias competências para liderar, há um hábito que é absolutamente crucial, mas do qual muitos managersfogem.

De acordo com o especialista, muitos líderes são incapazes de dar feedback, “um problema porque quando um membro da equipa não está a receber feedback de forma regular começa a perguntar-se porquê. Os colaboradores são humanos e querem saber como é que a sua performance está a ser avaliada”.

Marcel Schwantes explica ainda o que acontece aos colaboradores quando os seus líderes não são capazes de lhes dar feedback.

Evitam os seus managers

Quando os líderes não fazem das reuniões de feedback uma prioridade na sua rotina de trabalho e não deixam que os membros da sua equipa saibam o que está a acontecer e de que forma é vista a sua performance, estão a espoletar um padrão de comportamento pouco desejável na sua equipa. Preocupação, apreensão, desmotivação e evasão. Quando existe medo, incerteza e falta de direção, a sua equipa tem maior tendência para assumir menos riscos e para resolver problemas de forma proativa.

Têm menos confiança

As equipas precisam de se sentir seguras para terem uma boa performance. E para criar um ambiente seguro é importante que mostre que existe a possibilidade de crescimento e de melhoria e investimento no seu sucesso e desenvolvimento.

Estabelecer expetativas elevadas para os membros da sua equipa ao dar feedback garante que estes se sintam valorizados. Além disso, quando o feedback é apoiado por ações consistentes, a lealdade e a confiança das equipas aumenta.

Pensam que o seu posto de trabalho está em risco

O ser humano tende a ter uma reação negativa em relação a algo que pareça uma ameaça. Quando os líderes deixam de comunicar, fazem com que as suas equipas pensem que o seu posto de trabalho está em risco, levando-os a fecharem-se e a terem piores performances. A ausência de feedback aumenta o medo no seio das equipas.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui