Governo atribui €691,7€ a finalistas ou recém-licenciados

O relatório do Orçamento de Estado (OE) de 2013 prevê que o “Vale Empreendedorismo” permita que empresas no seu primeiro ano de atividade, e vocacionados para o setor transacionável possam beneficiar de um apoio de 15 mil euros para promover o desenvolvimento do seu plano de negócios. No executivo existe a possibilidade de reembolso das prestações do empregador para a Segurança Social.

O jornal adianta que, o governo acredita que esta medida vai permitir um aumento da competitividade por via da redução de custos não salariais.

Como já fora anunciado anteriormente, vai ser promovida a “Plataforma de ignição” que vai permitir a articulação entre os promotores de diversas instituições do sistema de empreendedorismo e inovação com a Portugal Ventures, para identificar oportunidades para a criação e desenvolvimento de empresas inovadoras, relata o jornal de negócios.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui

(Visited 15 times, 1 visits today)