Já nasceram 34 292 empresas este ano

Já nasceram 34 292 empresas este ano

Até ao final de outubro, já tinham nascido 34 292 organizações no mercado português, um crescimento de 8,6% face ao período homólogo. Os números são da Informa D&B, que revela que desde maio que o número de constituições de empresas tem vindo a crescer.

Os encerramentos, por sua vez, caíram cerca de 3,3% face ao período homólogo e nas insolvências registou-se uma dinâmica de decréscimo. De acordo com a Informa D&B, a percentagem de empresas que cumprem os prazos de pagamentos acordados (15,9%) registou a maior redução dos últimos dois anos e meio.

Importa referir que a impulsionar o nascimento de novas empresas estão os setores de Serviços, Atividades Imobiliárias, Construção e Alojamento e Restauração.  No sentido inverso, com descidas na criação de novas empresas, estão os setores do Retalho e Indústrias Transformadoras.

O estudo refere também que o número de constituições de empresas cresceu em quase todos os distritos, com Lisboa a liderar. O mesmo acontece com o número de encerramentos: “em destaque encontra-se o distrito do Porto onde encerraram menos 259 empresas e outras organizações (-12,6%). O distrito de Lisboa (+176 encerramentos) mantém-se em contraciclo neste indicador”, refere o estudo.

Por fim, a Informa D&B revela que a percentagem de empresas que pagam dentro dos prazos acordados (15,9%) piorou, atingindo o valor mais baixo dos últimos dois anos e meio. Entre janeiro e outubro deste ano, o atraso médio de pagamento situa-se nos 26 dias.