Mango adia projeto de criação de linha jovem

A saída de Salvador Vallés, um dos mais altos executivos da Mango pressionou a empresa de moda a adiar o seu projeto de criação de uma rede de lojas de moda juvenil, que estava previsto para 2014.

De acordo com a Distribuición Atualidad, a empresa emitiu um comunicado onde expressa que esta decisão foi tomada “depois de uma reflexão profunda”. A Mango refere também que irá focar-se nas suas novas linhas, a MangoKids, a Mango Touch, a Violeta By Mango e a Sport&Intimates, recentemente anunciada.

Em 2012, a Mango faturou 1 691 milhões de euros e abriu 180 lojas em mercados externos, que são responsáveis por 84% das vendas do grupo.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui

(Visited 24 times, 1 visits today)