AEP franchising competividade

Portugal desce no ranking mundial de competitividade

Portugal desceu três posições no ranking mundial de competitividade face a 2015, tendo sido ultrapassado por países como Espanha, Itália, Turquia e Letónia, segundo o ‘IMD World Competitiveness Yearbook 2016’, documento que avalia os índices de competitividade de mais de 60 economias em todo o mundo.

Portugal ocupa agora o 39º lugar do ranking, descida que de acordo com a Porto Business School, que colabora no estudo, está relacionada com os fatores “desempenho da economia” (de 45º para 48º); “eficiência do governo” (de 34º para 48º) e “infraestruturas” (de 26º para 28º). Mas apesar da quebra no ranking, o país subiu dois lugares no fator “eficiência empresarial”, passando do 48º para o 46º lugar.

Segundo Fernando Teixeira dos Santos, professor da Porto Business School e representante da escola neste projeto, estes resultados indicam que, “nos anos mais recentes, Portugal melhorou o seu ranking na competitividade mundial mas, para que os progressos alcançados sejam sustentáveis, o país deve prosseguir na melhoria do desempenho da sua economia e da eficiência do governo.”

Os resultados agora publicados revelam também uma tendência importante, é que a Europa de Leste “está a competir cada vez mais com os países da Europa Ocidental, estando as economias da Letónia, Eslováquia e Eslovénia entre aquelas que conseguiram recuperações mais acentuadas.”

Por outro lado, pela primeira vez, os Estados Unidos da América perderam a liderança da competitividade mundial, tendo sido ultrapassados pela China e pela Suíça, que subiram para o primeiro e segundo lugares, respetivamente.

Gostou deste artigo?

Se pretende ler mais artigos sobre franchising, empreendedorismo e gestão, subscreva a nossa newsletter aqui