Street food já tem associação em Portugal

Foi criada em Portugal a Associação Street Food Portugal (ASFP), uma organização que nasce com o objetivo de defender os interesses dos profissionais de street food e de impulsionar o setor.

A ASFP é uma associação independente sem fins lucrativos que pretende fomentar “o desenvolvimento, aprofundamento e aprendizagem de produtos que contribuam para o crescimento e inovação do sector. Visando o incremento do conhecimento e reconhecimento, a ASFP pretende tornar-se um parceiro estratégico do desenvolvimento económico, através da geração de empreendedorismo e autoemprego, contribuindo para o desenvolvimento de produtos de qualidade, incorporando, através de parcerias estratégicas, novas iniciativas com parceiros públicos e privados, quer na divulgação e promoção da gastronomia, quer na qualificação dos recursos por via da formação e informação”, explica a associação numa nota enviada às redações. Outra das metas da ASFP será “democratizar e tornar acessível” a gastronomia de street food.

“A ASFP pretende afirmar uma cultura de street food “made in Portugal’”, agregando valor cultural, social, turístico e económico. A ASFP pretende, ainda, levar a cabo a realização de diversas iniciativas promocionais em termos do street food, tais como os Street Food Awards e os Street Food Festivals, proporcionando aos associados, a possibilidade de networking nacional e internacional, através da facilitação das suas redes de contactos no setor.”

Luis Rato, detentor da marca Kiosk Street Food, preside a associação e José Borralho, Presidente da APTECE, que organizou recentemente o European Street Food Festival, será o vice-presidente.

Para já, a ASFP irá dedicar-se à criação e divulgação de documentação de referência para o setor, como o “Guia do Empreendedor em Street Food” e o “Manual de Boas Práticas”.