Web Summit

Vai ao Web Summit? Eis o que precisa de saber

A edição inaugural do Web Summit na cidade de Lisboa abre portas já no próximo dia 7 de novembro, prolongando-se até ao dia 10. Se vai estar presente no maior evento de empreendedorismo, inovação e tecnologia do ano, ou se ainda está a decidir, partilhamos consigo tudo o que precisa de saber.

Os números divulgados pela organização do Web Summit deixam antever a grandiosidade daquilo que está a ser planeado:

  • 50 mil participantes;
  • 7000 CEO’s de empresas de todo o mundo;
  • 15 mil empresas;
  • Participantes de 165 países do globo.

A presença de nomes grandes do setor está já garantida há meses. Tinder, Facebook, Renault-Nissan Alliance, Square, World Trade Organization, SoundCloud, Reddit e MIT dizem-lhe alguma coisa? Pois…todas estarão representadas com oradores que muito provavelmente não terá a oportunidade de voltar a ouvir.

Mas Portugal também estará bem representado na primeira edição portuguesa do Web Summit, com pelo menos 67 startups que foram selecionadas por uma iniciativa do Governo (Road2WebSummit). O Jornal de Negócios publicou recentemente um artigo em que revela que startups nacionais irão invadir o evento.

Destaque para a Landing.jobs, uma plataforma que veio facilitar o recrutamento das empresas de tecnologia e cujo método assenta em três fatores – a tecnologia, a ‘multidão’ e as entrevistas -, e para a Xhockware, startup que criou uma app (YouBeep) que permite acelerar o processo de compras.

Já está a pensar ir? O bilhete mais barato custa 1000 euros e já está esgotado. Para além desse tem a opção de comprar uma entrada a 1245 euros que dá acesso a todos os locais, com exceção do espaço de networking VIP e dos espaços dos oradores, a 3245 euros, um bilhete ‘premium’ que lhe oferece a possibilidade de estar em todos os locais menos no espaço dedicado aos oradores, ou um ‘bilhete de luxo’, que pela módica quantia de 5245 euros lhe abre todas as portas.

Ficou convencido?