Vendas desceram cerca de 40% este Natal

As vendas desceram entre 25 a 40 % e as associações de comerciantes culpam o novo sistema de faturação e os custos que este implica.

Os dados recolhidos pela TSF indicam ainda que a época de Natal não conseguiu compensar o saldo negativo dos restantes meses, como era habitual para os comerciantes de Lisboa e do Porto.

Carla Salsinha, presidente da União das Associações de Comércio e Serviços de Lisboa disse ainda à TSF que teme que a situação piore no início de 2013.

“Com o novo regime de faturação, estas exigências todas que vão imputar custos, há empresas que já decidiram não abrir a partir do dia 1 de janeiro. Dos nossos associados, muito perto dos 10 % poderão estar a pensar não voltar a abrir portas. Com dados oficiais, em outubro e novembro, estavam a fechar por dia, no distrito de Lisboa, 14 empresas do comércio e serviços.”

Também no Porto as vendas desceram 25%.